sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Bobby

Acabei de abrir meu e-mail e estava lá uma mensagem de um "frenchie forum" que participo:

This one was in Texas, but thank God he was rescued in time. The video is painful to watch --

http://www.kiiitv.com/news/local/27201789.html

From the article:

Around noon time Wednesday, some concerned shoppers noticed the French Bulldog locked in a car parked outside of La Palmera which is the new name for Padre Staples Mall. Cynthia Moreland said she waited 15 minutes before calling officers because she wanted to wait to see if the owners would come out. When police arrived they found the dog with no water, and the windows rolled up. The decision was made to break the passenger side window.

"He couldn't catch his breath. He was stumbling inside the car. He fell over the parking brake and landed in the floor board," said Moreland as she described the way the overheated dog was acting. She told 3 news the owners came out and were very upset the window was busted.

That's my favorite part -- they almost kill their dog, and what are they most upset about? Their broken window.


_____________________________________

Por favor, assistam o vídeo.
Que sirva para alertar: buldogues franceses não devem ficar fechados dentro do carro ou ambientes sem ventilação, sem supervisão, DE MANEIRA ALGUMA.

Frenchies são braquicefálicos, portanto, se o ar entra muito quente pelas narinas (geralmente, ele entra quentinho, moramos em um país tropical!), não há tempo suficiente dele ser resfriado até chegar aos pulmões.
Por isso, também, não devemos submeter nossos frenchies a atividades físicas forçadas. Até a monta natural, para os machos, pode provocar os mesmo efeitos da atividade física intensa.
O aquecimento brusco da temperatura do cão é chamado de hipertermia e pode ser fatal.
O cãozinho da reportagem teve muita sorte de ser socorrido a tempo por outras pessoas. Por pouco, ele não morreu de hipertermia.

Lendo toda a reportagem, fiquei bastante surpresa com o prosseguimento da história. Bobby (este é o nome do cão) permanecerá sob a guarda do serviço social para cães do Texas. O casal ("donos" do Bobby) não poderá pegá-lo por, pelo menos, 10 dias, quando acontecerá uma audiência para avaliar essa possibilidade.

Que coisa mais civilizada! Adoro quando os animais são defendidos de abusos.

"A grandeza de uma nação pode ser julgada pelo modo
que seus animais são tratados." Gandhi