segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Naqueles Dias...

CLARO que, agora que Vivi ficou "mocinha", ela ficará totalmente reclusa dentro de casa por 1 mês, de maneira parecida aquela que os índios fazem com as indiazinhas assim que elas também se tornam "mocinhas".
Dizem que as indiazinhas ficam presas na oca por 1 ano, a salvo dos indiozões, mas isso é outra história...

Mas, parece que nossa jovem não apreciou a reclusão temporária.
Por um breve período de 3h, foi deixada na cozinha, com acesso a uma área menor da casa, na companhia da sempre serena e, provavelmente, grávida e já enjoada para comer, Bela.

Chegamos em casa, acompanhados de uma pessoa de cerimônia, e passamos uma vergonha ENORME: a geladeira estava aberta, todas as maçãs da casa estavam no chão, um salaminho italiano legítimo carésimo zero km (desses que a gente só ganha de presente, porque não tem coragem de comprar) estava todo mastigado, todos os sacos de pés de galinha que eu havia comprado para os cães estavam mordidos e... com certeza... a geladeira deveria estar lambida onde a língua da Vivi alcançasse.

Mas, o pior não foi isso, o pior foi dizer "É a primeira vez que isso acontece" para a pessoa que estava conosco.

Agora, quando sair, por segurança, vou ter que passar fita adesiva na geladeira.
E se alguém me perguntar por que estou adesivando a geladeira, imaginem a minha cara ao responder: "É porque minha cadelinha está naqueles dias".