quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Pet-Shops mentem SIM!

Você passa na porta daquele Pet-Shop finérrimo da Zona Sul e vê um lindo filhote, de banho tomado, cheirosinho, dormindo tranquilamente na gaiolinha da loja. Quanta ternura.

O vendedor do Pet-Shop lhe dirá que aquele filhote custa R$ 2.o00,00, que tem excelente procedência, o pedigree lhe custará mais R$ 300,00. Quem duvidará da qualidade de um cão de R$ 2.300,00 do Pet-Shop finérrimo da Zona Sul?

Eu espero que você duvide.
Eu já disse isso anteriormente, mas o assunto é tão sério, que vou dizer novamente:

A melhor maneira para evitar a compra de um cão de uma fábrica de filhotes é NAO COMPRAR CÃES DE PET-SHOPS. Qualquer pet-shop.

Sim - Mesmo aqueles lindos e aqueles limpos e aqueles com nomes fofinhos.
Sim - Mesmo aqueles caríssimos vendidos no Barra Shopping ou no Morumbi Shopping ou em qualquer shopping de Manhattan ou da Champs Elysee.
Sim -Mesmo aqueles que dizem que vêm de criadores muito cuidadosos.
Sim - Mesmo aqueles que dizem que todos os filhotes são 'registrados".

Todo Pet-Shop, ou lugar que venda animais "a varejo", vende filhotes de fábricas de filhotes. Todos. Absolutamente todos. Sem exceção.

Os Pet-Shops mentem. Por que? Porque o único objetivo deles é abocanhar a comissão que vem com a venda do filhote. Para eles pouco interessa se o filhote foi vacinado, desverminado, socializado, para onde vai, de onde veio. Pet-Shop é comércio. Portanto, seus funcionários são orientados a iludir o "comprador".
Conheço "criadores" que vendiam seus filhotes no Pet-Shop I*a*e*a, no Shopping Pátio Savassi, em Belo Horizonte. O esquema lá era o seguinte: se o "criador" queria R$ 1.000,00 no filhote, o filhote era vendido a R$ 3.000,00. A loja embolsaba R$ 2.000,00. Ótimo negócio para quem vendia, péssimo para quem comprava.

Muitas vezes recebo e-mails de pessoas totalmente desesperadas, "Preciso de um buldogue francês URGENTE!"
Intimamente, fico me perguntando o que motiva a urgência, se o cão viverá tanto tempo.
Quem me conhece sabe que gosto de conhecer os futuros pretendentes aos meus bebês, conversar com eles, até para saber se frenchie se adequaria aquela família ou que tipo de personalidade de filhote seria mais adequada.
Não há como adquirir um novo membro da família na "urgência".

Não há como adquirir um novo membro da família sem se preocupar com a sua procedência.
Bem, hoje é isso!