terça-feira, 21 de julho de 2009

A Pirâmide Cinófila

Conforme dito anteriormente, o termo CINOFILIA refere-se aos assuntos ligados à criação de cães de raça pura.

A grande maioria das pessoas não sabe, mas existem órgãos legais que regulamentam a CINOFILIA, o qual, nós, cinófilos, estamos subordinados.


Há 04 (quatro) grandes instituições que regulamentam a cinofilia internacionalmente e intercambiam documentação:

Federação Cinológica Internacional (FCI): atua sobre todos os países da América do Sul, países da América Central, México, Europa (exceto Grã-Bretanha), África, Ásia e Oceania --->> BRASIL!
American Kennel Club (AKC): regulamenta a cinofilia nos EUA.

Canadian Kennel Club (CKC): regulamenta a cinofilia no Canadá.

Kennel Club da Grã-Bretanha: regulamenta a cinofilia na Grã-Bretanha

Cães com pedigree FCI - AKC - CKC - Kennel Clube da Grã-Bretanha são reconhecidos entre si.

O Leo é um exemplo disto: ele possui pedigree original registrado pelo CKC (Canadá) e quando chegou ao Brasil, precisei apenas solicitar o reconhecimento FCI de seu pedigree.


A instituição que regulamenta a criação de cães de raça no Brasil, subordinada à FCI, é chamada Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC).


Por sua vez, as Federações são entidades estatais, subordinada à CBKC, que regulamentam a criação de cães de raça pura em alguns estados brasileiros.



Os estados brasileiros podem possuir muitos Kennels Clubes, de acordo com seu tamanho e demanda. Os Kennels Clubes estão subordinados às Federações.
Minas Gerais, por exemplo, possui o Kennel Clube da Grande Belo Horizonte, Formiga Kennel Clube, Kennel Clube de Varginha, Kennel Clube do Triângulo, Manchester Kennel Clube, Mostes Claros Kennel Clube e Sul de Minas Kennel Clube.

Os criadores de cães tornam possível a existência dos kennels clubes e são subordinados às suas determinações. É nos kennels clubs que os cães são registrados  antes de seguirem para os lares de seus futuros proprietários.



Pirâmide Cinófila no Brasil


Infelizmente, grande parte dos "criadores de cães" é constituída de meros reprodutores de cães, que nada contribuem para o desenvolvimento e/ou proteção de nenhum raça canina. Prestam-se apenas a registrar e vender filhotes. Da mesma maneira, muitos proprietários - por razões diversas - também acasalam seus cães - criadores de fundo de quintal.


No Brasil, a CBKC, as Federações e os Kennels Clubes organizam as exposições cinófilas.


A cinofilia é, também, uma organização política.
E, como na política, há bons e maus dirigentes cinófilos. Há aqueles que em função de interesses pessoais, prejudicam o interesse coletivo. Mas, também, há aqueles que trabalham visando o real e único interesse da cinofilia: o desenvolvimento e melhoramento dos cães de raça pura.