quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Megaesôfago em cães

O esôfago é o canal que conduz o alimento no trato digestivo, até o estômago. Funciona como  um "cano" musculoso, que se contrai organizadamente levando o bolo alimentar em apenas um sentido, mesmo que o indivíduo esteja de cabeça para baixo!

Imagem radiográfica de um esôfago normal


O megaesôfago é uma alteração na musculatura do esôfago, situação em que ocorre diminuição das contrações que conduzem o alimento até o estômago. O retardo dessas contrações musculares leva ao acúmulo do alimento no esôfago e, finalmente, à sua dilatação.

Pode ser de origem genética, manifestando-se desde o nascimento, pode manifestar-se espontaneamente ao longo da vida ou pode ser secundário a alguma doença (distrofia muscular, por exemplo).


Imagem radiográfica de um esôfago dilatado (megaesôfago), feita com a utilização de contraste


QUAL O PROBLEMA COM MEGAESÔFAGO?
O cão não consegue se alimentar. Tudo que ele ingere é regurgitado. Portanto, ele morre de fome, tendo toda a comida a sua disposição.

EXISTE CIRURGIA QUE POSSA RESOLVER O PROBLEMA?
Infelizmente, ainda não existe nenhuma técnica cirúrgica consagrada para tratar o megaesôfago, entretanto, existem cirurgias experimentais. 

MEU CÃO FOI DIAGNOSTICADO COM MEGAESÔFAGO.  O QUE POSSO FAZER?
A primeira preocupação é fazê-lo se alimentar! 

O ideal é que o cão seja alimentado com dieta pastosa, de alta densidade nutricional e alta digestibilidade, para facilitar a sua absorção. Portanto, rações industrializadas a base de soja, milho e/ou trigo devem ser descartadas, uma vez que possuem baixa digestibilidade e baixa densidade nutricional. Alimentação caseira é mais indicada. Consulte um veterinário especialista em nutrição!

Passar os alimentos no liquidificador é iniciar o processo de digestão do "lado de fora do corpo" e ajuda muito. Mas, a consistência do produto adquirido deve ser pastosa. Não se deve oferecer grandes volumes alimentares para cães com megaesôfago.

É importante que o cão seja alimentado em uma cadeira que o mantenha na posição vertical, para evitar que o conteúdo ingerido seja regurgitado. Evitar o retorno dos alimentos é importante para que não ocorra pneumonia por aspiração


Cadeira para alimentação de cães com megaesôfago. Este modelo de cadeira não possui regulagens que acompanham o crescimento do cão.

Cães que possuem megaesôfago podem desenvolver refluxo gástrico como comorbidade. Nesses casos, o cão precisa de uma cama inclinada para dormir.

Nós sempre indicamos as cadeiras para alimentação e a cama inclinada que o Petescadas fabrica. O grande diferencial dos produtos do Petescadas é confecção sob medida, específica para atender as necessidades de um cão. As suas cadeirinhas possuem regulagem lateral que acompanha o crescimento do cãozinho - afinal, megaesôfago pode ser um problema que exige alimentação verticalizada desde os primeiros meses de vida.  

Conheça todas as formas possíveis que o Petescadas oferece para ajudar um cão com megaesôfago a ter uma vida melhor, clicando aqui: Megaesôfago, como cuidar?


Para falar com o Petescadas:
→ Telefone: (41) 3372-7306 ou (41) 3273-5788
→ Facebook: Petescadas



Link desse vídeo: https://youtu.be/k9m7oGPxLaM


Receba nossos posts por e-mail:

Delivered by FeedBurner

siga-nos: