quinta-feira, 24 de junho de 2010

O parto

Alguns criadores auxiliam suas cadelas na hora do parto, cortam o cordão umbilical, aquecem os filhotes, removem secreções do trato respiratório. Eu nunca passarei por isso. Frenchies nascem exclusivamente por cesariana.
Entretanto, por ironia do destino,  precisei auxiliar em um parto natural - foi o parto de um cocô.

Estranho, né? Mas é a mais pura verdade.

Eu raramente compro pescoço de peru como meaty bone, porque não dá para oferecer os pescoços inteiros para os frenchies - e cortar aqueles pescoções e barra pesada! Mããããsss, os frenchies amam quando eu compro e ofereço o pescoção picadinho.
O problema é que o Leo amou mais do que deveria... comeu toda a tigela dele (280g) e mais os meaty bones que sobraram dos filhotes. Neste dia, recusou sua porção de carne (que foi devorada pelos filhotes). No dia seguinte, a mesma coisa aconteceu.


Resultado dessa festa? Leo ficou "trancado".
Só para se ter uma idéia da gravidade da situação, ele e o Tigre estavam soltos juntos e Tigre nem ousou chegar perto dele para impôr a sua soberania (coisa que nunca acontece)... ficou, de longe, observando a cena constrangedora, com cara de piedade.

O jeito era fazer o parto do cocô. Calcei minhas luvas odontológicas descartáveis, lambrequei a luva com Nujol e pus-me a observar.

A apresentação do corpo era transversa, por isso o nascimento não acontecia, apesar das múltiplas contrações. Como não havia progressão da expulsão, vi que era necessário utilizar uma manobra para mudá-lo para uma posição apropriada. Era o que faltava! A insinuação do corpo ocorreu facilmente e com isso, a descida rápida de todo o conteúdo restante.

Nunca vi Leo tão aliviado. Olhou pra mim com a maior cara de alegria, pôs-se a correr, a pular e.. tibum, pisou sobre o corpo e esfarelou-o em milhares de pedacinhos. Tudo virou pó.
Do pó vieste ao pó retornarás.


Meaty bone demais + carne de menos = auau enfezado

(enfezado = repleto de fezes)




ps: Graças a Deus por cães não saberem ler. Leo não me perdoaria por este post.