sábado, 11 de setembro de 2010

O Proprietário Responsável

Foi feito um estudo nos EUA e o resultado foi alarmante: dos cães que lá vivem, aproximadamente, 1% são cães selvagens ou sem raça definida que se reproduzem independentemente, 12% são adquiridos de criadores, 20% são adquiridos de fabricantes de filhotes (pet shops, feirinha de cães) e os 68% restantes são cães provenientes de criadores de fundo de quintal.

Você não sabe o que é um "criador de fundo de quintal"?
Criador de fundo de quintal é aquela pessoa que comprou um cão e quer fazer "um dinheirinho extra" vendendo seus filhotes ou, simplesmente, quer que seus filhos "experimentem o milagre da vida". Também costumam acreditar que cadelas precisam gestar para manterem-se saudáveis ou, ainda, tem a ilusão de clonar (!) um filhote como o(a) genitor(a).


Outros problemas relacionados aos criadores de fundo de quintal:

- na maioria das vezes, não são feitos exames nos pais (para frenchies: coluna, quadril, olhos, alguns testes sanguíneos, etc.);
- os filhotes não são vendidos com contrato ou quem vende esquiva-se de garantias importantes;
- na maioria das vezes, os pais são cães "fora do padrão";
- como eles não têm experiência com a raça, dificilmente poderão te ajudar quando você precisar;
- raramente trabalham a socialização dos filhotes;
- não se preocupam com a parte científica dos cruzamentos;
- dão mal exemplo a quem compra um filhote, incentivando a procriação não planejada.


Este estudo reflete uma situação mundial, os criadores de fundo de quintal são o maior problema da superpopulação de cães nas ruas.
Infelizmente, há pessoas assim por toda parte. Será que elas não tem noção da cascata de malefícios que estão desencadeando para uma raça e para a sociedade?


 Seja digno do seu animal de estimação.