sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Tipos de mordeduras em cães

Não se engane!
Não estou falando dos tipo de mordidas... aliás, mordida só tem um tipo, né? Ruim.

Mordedura é o padrão de encaixe dos dentes inferiores aos superiores na arcada dentária. O nome mais adequado é oclusão, mas, não sei porque, a cinofilia prefere seguir e criar seus próprios termos, à ser orientada pela nomenclatura oficial utilizada na odontologia. (Para quem ainda não sabe, sou dentista!)


Oclusão ou mordedura prognata inferior

Fonte: Wikipedia

Os dentes anteriores-inferiores trespassam os dentes anteriores-superiores.
O bulldog francês é um cão prognata inferior.
A palavra prognata é oriunda do grego pro, ‘movimento para a frente', e gnathós, ‘mandíbula', portanto, dizer utilizar o termo "prognatismo inferior" é a mesma coisa que dizer que esse pleonasmo é redundade!


Oclusão ou mordedura prognata superior

Fonte: Webanimal

Antes que eu escreva qualquer coisa, preciso protestar! Prezados cinófilos que inventaram o termo "prognata superior", este termo está incorretíssimo. Sou dentista... estou trêmula e suando, só de escrevê-lo. O mais adequado seria utilizar a palavra retrognata.

Neste caso, os dentes anteriores-superiores trespassam os dentes superiorres inferiores.
Labradores são cães retrognatas. (me recuso a escrever a palavra errada novamente!)


Oclusão ou mordedura em tesoura


Fonte: Webanimal

Que fofo! É a oclusão ideal dos humanos. Mas, o nome "mordedura em tesoura" é invenção cinófila.

Os incisivos superiores tocam, com a face interna, a face externa de, no máximo 1/3 dos incisivos inferiores.
Dobermanns possuem mordedura em tesoura.



Oclusão ou mordedura em tesoura invertida


Fonte: Webanimal

Não deixa de ser uma mordida prognata aos meu olhar odontológico! Só que bem justinha, com os dentes anteriores-inferiores tocando a face externa dos dentes anteriores-superiores. Mais uma definição maluca da cinofilia, rs.

Lhasas apsos devem ter mordedura em tesoura invertida.



 Oclusão ou mordedura em torquês



Fonte: Webanimal

Na odontologia, este tipo de oclusão é conhecido como "topo-a-topo".
Neste tipo de mordedura, a linha oclusal dos dentes inferiores e superiores se tocam.

O cão da montanha do atlas deve apresentar mordedura em torquês.


Basicamente, a mordida, é  a ferramenta de trabalho e de defesa dos cães; cada dente tem sua função: os caninos ou presas cravam-se na carne para dilacerá-la com os movimentos rápidos e violentos da cabeça e do pescoço; os pré-molares menores trabalham delicadamente para transportar os filhotes e outras coisas; os maiores são mastigadores; os P3 (pré-molares superiores), em combinação com os M1 (molares inferiores), funcionam como alicate de corte para as partes mais duras e o restante dos molares são mastigadores poderosos; os incisivos se encarregam dos cortes mais delicados, como também da catação de parasitos. (Bruno Tausz)


Só uma notinha: com tanto cão comendo ração, patê e usando repelentes contra ectoparasitas de maneira indiscriminada, a banguelice nem soaria tão problemática!
Mas, lembre-se, dentes estão integrados a todo um sistema...
;-)


E, aí? Como é a oclusão, ops... mordedura, do seu cãozinho? Ele é  um frenchie, é de outra raça ou é multirraças?


- Valeu, Carina, pela idéia do post!

.