terça-feira, 12 de abril de 2011

Doação - Adoção conscientes

Acredito que nenhum cão deva viver em um lar inadequado.
Por isso, o trabalho do criador deve ser incansável na hora de selecionar um bom lar.

Algumas pessoas ainda cobiçam um cão apenas porque sua raça está na moda ou porque o acham lindo-fofinho-encantador. Mas, tantos predicados desaparecerão quando eco do choro, os xixis e cocôs se espalharem pela casa e as muitas obrigações aparecerem.

Entretanto, há casos que mesmo sendo feita uma seleção adequada de um lar, a vida aparece e apresenta um motivo que inviabiliza a permanência do cão em determinada família.

É justo com o cão mantê-lo em um lar onde sua qualidade de vida está aquém da desejável?
É justo com o ser humano carregar o peso de um cão supostamente infeliz em sua vida?
Devemos encarar a inviabilidade da permanência do cão em um lar como fraqueza de caráter?
É mesmo um problema doar um cão? 


Na minha opinião, a resposta é NÃO para todas as questões acima.
A recolocação responsável de um cão em um lar adequado beneficiará, principalmente, o próprio cão.

Para isso, é preciso:
1) Castrar o cão;
2) Selecionar minuciosamente o futuro lar/humano de estimação;
3) Acompanhar a integração/adaptação entre o cão e sua nova família;
4) Assumir o compromisso de receber o cão de volta, caso a adaptação não aconteça.

Dá certo? Dá!

Desde que a seção Adoção de Frenchies do blog foi aberta, acompanho a adoção de dezenas de frenchies.

Um destes frenchies é a minha Bella, que hoje mora em São Paulo com os adoráveis Maria Fernanda e Apoena - melhor dizer NOSSA, Bella!
Ano passado, Bella entrou em 02 (duas) brigas com a matilha, na última delas quase perdeu as orelhas - e a vida -, portanto decidi que estava arriscado manter sua integridade física e emocional por aqui.

Em fevereiro deste ano, ela viajou para São Paulo e observem como está super integrada a sua nova e ADORÁVEL família e aos amigos que já fez:



Bella e sua irmã sheltie, a finíssima Lana.



Eu avisei que frenchies comem muito!



Lady Lana indignada com a falta de classe da irmã Bella



Cães vivem o dia de hoje!
E, para que vivam bem, o dia de hoje deve suprir o que eles precisam.


Obrigada a todas as famílias que tem feito os dias de hoje mais felizes para todos os frenchies adotados através deste blog!