sexta-feira, 13 de maio de 2011

O Blog Responde! Reação à vacina contra leishmaniose

Oi Camilli,


quero muito vacinar a Matilde (frenchie) contra leishmaniose, mas tenho minhas dúvidas... dizem que a vacina dá muitos efeitos colaterias, é verdade?

Obrigada,


Jussara


--//--


Olá Jussara!

Veja bem... Quando fiz as doses da vacina tríplice em meus dois primeiros filhos, ainda bebezinhos, passei um sufoco danado! Por dias, eles tiveram febre altíssima, perderam o apetite, adoeceram, por conta da vacina.
Mas, eu tinha a escolha: ou não os vacinava e os deixava susceptíveis ao sarampo, rubéola e caxumba ou amargava por 2-3 dias de mal estar. Fiquei com a segunda opção.
Com meu terceiro filho, foi mais tranquilo, porque inventaram a vacina acelular que provoca menos reações. Ufa!

Como viajo com alguma frequência para o interior de Goiás, precisei renovar minha vacina contra febre amarela. Adivinhe? Febrãooooooooo! Fiquei dias de cama.
Eu poderia ter escolhido não ter tomado a vacina. Poderia ter corrido o risco de ir para um lugar endêmico de febre amarela e voltar saudável. Ou doente. Optei pela vacinação.



Bem... escolhas são assim, Jussara. Cada uma tem um preço! :)
A vacina contra leishmaniose provoca reações? SIMMMMM!
Vale a pena correr o risco de ficar sem ela se você reside em uma área endêmica? Isso é só você que pode responder! Pois será só você quem arcará com as possíveis consequências, emocionais e financeiras, de não ter feito a vacina.


Abraços,

Camilli