quarta-feira, 13 de julho de 2011

Papo sobre alergias

Não que eu seja médica veterinária ou tenha a petulância de querer substituir um profissional desta área (todo mundo aqui está careca de saber que minha área de atuação é genética e biologia molecular), mas ser da área médica, criadora de frenchies e contar com os ensinamentos de profissionais experts no assunto me ajuda bastante a formar uma opinião crítica quando o assunto é diagnóstico de problemas alérgicos.

Tenho observado um número crescente de pessoas relatando questões alérgicas em seus frenchies.

É claro que o aumento crescente de exemplares da raça - o número de registros mais que dobrou em 2010 - aumenta também a possibilidade de aparecimento de problemas. Primeiro pelo próprio aumento de indivíduos/ consequente maior casuística e segundo porque toda raça que "entra na moda" (como os frenchies estão) tende a ser prostituída mesmo pelos vendedores de cachorro.

Mas, devemos ter em mente que não são só os cães que estão sofrendo mais com os problemas alérgicos. A humanidade está mais alérgica a cada dia que passa e obviamente as mudanças no estilo de vida são determinantes neste processo (alimentação industrializada, ar poluído, cigarro passivo ou ativo, alteração dos padrões de atividade física, acesso ao sol, abuso de medicamentos, etc.)

Por incrível que pareça, com relação aos cães, a minha observação é que o diagnóstico da causa da alergia está sendo bastante deixado de lado. A maioria dos cães é tratada aleatoriamente com corticóides, que realmente melhoram a sintomatologia alérgica, mas a origem do problema permanece não discutida. Terão estes cães que tomar corticóide a vida inteira, então?

Seu cão é alérgico? Pois então saiba que a CAUSA da alergia deve ser descoberta.

O caminho passa por:
  • Diagnóstico diferencial de DAPE (dermatite alérgica a picada de pulgas e ectoparasitas)
  • Diagnóstico diferencial de alergia alimentar. E, ATENÇÃO,  não há como fazer este diagnóstico sem dieta de eliminação! Ração hipoalergênica não é dieta de eliminação!!!
  • Diagnóstico diferencial de atopia
Diagnosticar causas alérgicas é muito difícil, mas lembre-se que é IMPOSSÍVEL diagnosticar a causa da alergia se os três caminhos acima não forem trilhados.

Para cães alérgicos não sou muito a favor do tratamento alopático que é apenas sintomático, ou seja, não trata a causa. Minha opção é o tratamento homeopático.


A alergia não escolhe cor de pelagem. Entretanto, no caso dos frenchies, como os fabricantes de filhotes querem obter cães de pelagem clara porque são muito comerciais, o abuso do inbreeding e o abuso de acasalamentos de cães pouco pigmentados os predispõem a dermatopatias severas.


Leia também: