quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Flex

Se tem uma coisa que posso dizer é que me orgulho muito de mim mesma por ter aprendido a flexibilizar.
Hoje em dia, quando vejo alguém combinando cruza de cachorro ou vendendo filhote no facebook (e outras mídias sociais) nem fico com vontade de matar a pessoa mais.
Só de torturá-la, lentamente.