sábado, 23 de abril de 2016

Diferença de temperamento entre buldogues machos e fêmeas

Antes de entrarmos nesse tema, é importante lembrar que cada cão tem uma personalidade única. Espera-se um temperamento base dos frenchies, mas algumas variações individuais são comuns! O temperamento do cão sofre a influência de vários fatores externos, como idade de separação da família canina, estado nutricional, investimento em socialização feito pelo proprietário, educação básica, etc.

Em linhas gerais, desconsiderando as individualidades, posso dizer que filhotes de buldogues franceses tendem a apresentar o mesmo padrão de comportamento, independentemente do sexo: todos gostam de correr, brincar, dar mordidinhas como forma de comunicação, etc. Meninos podem continuar a fazer xixi "sentados" até, quase, 1 ano de idade.

É na adolescência - por volta dos 08 (oito) meses de idade - que as diferenças começam a aflorar.

A minha experiência me ensinou que, dentro do ambiente familiar, as fêmeas podem ser um pouco mais temperamentais que os machos. Isso sofre agravamento nos períodos do cio. A castração das fêmeas não as torna mais dóceis, entretanto finda a variação de humor provocada pelo cio.

Os machos tendem a ser mais emocionalmente estáveis, porém essa situação se inverte fora do ambiente familiar. Machos inteiros (não castrados), em ambientes estranhos, entram em estado de alerta, cheirando tudo obsessivamente e marcando o ambiente com urina. Machos castrados depois da adolescência tendem a reverter esse comportamento obsessivo à medida que o tempo passa. Machos castrados antes da adolescência mantêm, para toda a vida, o adorável comportamento de filhotes, desde que protegidos de experiências que não os tornem reativos. ♥








Receba os posts por email:

Delivered by FeedBurner

siga-nos: